Zoológico de São Paulo também terá nova prova do Enem

Os candidatos prejudicados no Zoológico terão nova chance no Enem.

O ministro da Educação, Fernando Haddad, afirmou nesta quarta-feira que o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) terá uma nova prova.

Segundo o ministro, ela será aplicada a todos os estudantes prejudicados com os erros de impressão nos testes deste ano.

O MEC incluiu centenas de estabelecimentos de ensino na lista dos locais que terão uma nova prova. A lista inclui o Zoológico de São Paulo, que neste ano obteve recorde negativo no desempenho de seus candidatos.

O maior zoológico do país teve a maior quantidade de injustiçados pelas falhas no Enem. O prejuízo foi maior na ala dos primatas que tradicionalmente tira as melhores notas, mas praticamente zerou as provas deste ano.

Segundo Wagner, um chimpanzé que vive nas proximidades da Alameda do Lago, a confusão durante a prova foi tão grande que sua folha de respostas foi entregue suja de terra, repleta de baba e com um pedaço ausente que ele teria engolido.

Entre os prejudicados estão quatro orangotangos, oito macacos-aranha, três chimpanzés, dois gorilas e um camelo ou dromedário que preferiu não se identificar.

No primeiro dia do exame do Enem, a grande maioria dos candidatos não foi capaz de distinguir os cadernos de cor amarelo-banana dos cadernos verde-banana. Com isso, o desempenho dos habitantes do Zoo.

Por exemplo, em uma questão sobre a Guerra de Canudos, quase todos os candidatos do zoológico responderam que as ruínas de Canudos seriam ‘núcleos urbanos e etnográficos’.

“Essa é só uma amostra de como a prova prejudicou todo mundo aqui”, comentou Nestor “Nesse caso todos sabem que a resposta certa era ‘objetos arqueológicos e paisagísticos’, mas a alternativa correta estava na página seguinte, o que obrigou aos animais a chutar alternativa A, em vez do habitual C”.

A nova prova deve ser realizada nos dias 24 e 25 do próximo mês.