Por Ferrari, Massa teria cedido esposa e filho a Alonso

Alonso estaria colocando a mão em tudo que é de Massa, incluindo sua família.

Na manhã de hoje, a imprensa européia está trazendo novas especulações sobre a relação de trabalho entre Felipe Massa e a escuderia Ferrari.

O jornal espanhol Mundo Sobre Ruedas, especializado em esportes automotores, publicou trechos de documento em que o piloto brasileiro aceita ceder posições de corrida, sobremesas e até seu filho para Fernando Alonso.

Indagado sobre o termos, Massa afirmou que está disposto a sempre fazer o que é melhor para a equipe, mas nega que esteja dando sua vida para Alonso.

Porém, o jornal alemão Zeitung flagrou Alonso em uma situação curiosa nesse fim-de-semana. O espanhol foi fotografado passeando pelos boxes de Hockenheim empurrando um carrinho de bebê. Segundo testemunhas, a criança era muito parecida com o filho de Felipe.

“É o filho de um amigo lá de Mônaco. Ele está em uma reunião recebendo a estratégia da corrida. Então, me pediu para dar um passeio com o garoto”, justificou Alonso. “Mas a verdade é que eu sempre quis ter um menino”.

O tabloide inglês The Sun foi mais a fundo no caso. A colunista social Rachel Simmons publicou nota dando detalhes da festa de comemoração ferrarista em um pequeno bar em Hockenheim. Enquanto funcionários da equipe celebravam, Fernando Alonso teria saído mais cedo da festa acompanhado da esposa de Felipe Massa.

Com a repercussão do caso, o futuro de Massa também é especulado. Rumores indicam uma parceria dele com o compatriota Rubens Barrichello.

Juntos, eles estariam criando uma nova equipe baseada em suas experiências nas pistas. Batizada de Runner Up, a nova equipe seria concebida para ajudar escuderias carentes, que necessitem de posições no grid. Massa e Rubinho estariam dispostos a doar estas posições sempre que necessário.