Paulinho da Viola, na verdade, toca Cavaquinho

O Paulinhosambista de 66 anos abre hoje, em São Paulo, o primeiro dos três shows que deverá fazer na cidade. Apesar do nome Paulinho da Viola, o artista toca, na verdade, um bom cavaquinho e admite que o apelido foi conquistado por uma série de equívocos. “Eu sempre preferi participar das rodas de samba com o cavaquinho porque é menor de carregar. Já imaginou se eu fizesse minhas músicas com o auxílio de um piano? O único que fazia samba com piano era o Tom Jobim porque assim dava pra apoiar o cinzeiro e o copo de uísque”, afirma ele.

Os shows têm ingressos entre R$ 60 e R$ 200, mas estudantes e idosos pagam meia. Guardadores de carro e deficientes auditivos têm entrada gratuita.