Marcela Temer negocia programa sobre Disfunção Erétil na TV Senado

Vice-primeira-dama terá a missão de melhorar os índices de audiência

A fama repentina já começa a gerar bons frutos para Marcela Temer. Depois de se tornar conhecida no Brasil inteiro, durante o evento da posse de Dilma Rousseff, ela está aproveitando a maior exposição na mídia para iniciar novos projetos.

Pessoas ligadas ao porta-voz da vice-presidência soltaram informações de que a ex-Miss Campinas negocia com a TV Senado a exibição de um programa com dicas de beleza, saúde e bem-estar.

O programa piloto será gravado na próxima semana e, dependendo da receptividade dos executivos e da audiência da TV Senado, poderá passar a ser atração fixa na grade da emissora. O roteiro, já aprovado, prevê a discussão de problemas modernos sofridos pela sociedade, como a Disfunção Erétil.

Segundo a assessora de Marcela, Joana Estripolli, a vice-primeira-dama está bastante empolgada com a possibilidade de, em um programa só para ela, ajudar a sociedade brasileira. “A Marcela, além de linda, é bastante despojada e espontânea. Tenho certeza que esclarecerá o debate sobre a disfunção”, disse Joana.

Rumores dão conta de que, no programa de estreia, com expectativa para a primeira semana de fevereiro, a loura ensine aos casais uma série de técnicas capazes de evitar problemas eréteis nos homens.

Segundo o diretor de programação da TV Senado, Almir Gama, a discussão agora gira em torno do melhor horário para se exibir a atração. “Pensamos primeiramente num programa diário das 15:00 às 18:00″, revelou.

“Porém, lembramos que é justamente nessa faixa que ocorrem as votações mais importantes no congresso; e no fim das contas, a nossa conclusão foi que as votações estavam muito mornas, com audiências baixas. Acreditamos que dicas sobre disfunção erétil possam alavancar o ibope nesse horário”, explicou Gama.

A novidade agradou bastante os parlamentares, principalmente a ala feminina. A Deputada Federal Cleonice Aparecida dos Santos (PRN-SE) era uma das mais empolgadas.

“Puxa, isso vai ser muito bom! Enquanto estou de vez em quando votando as leis aqui no Congresso, vou mandar o maridão ficar ligado na TV lá no meu gabinete. Vou dar uma folga para ele das tarefas de assessor parlamentar só para assistir as dicas da vice-primeira-dama”, divertiu-se a deputada.