Lula credita terremoto em Brasília a “desespero da oposição”

Indignado, Lula sugeriu que os fenômenos naturais devem ter um 'certo controle'.

Sem mencionar nomes, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva aproveitou o palanque em que estava na tarde de hoje para criticar os políticos que torcem contra as realizações do seu governo.

A principal crítica de Lula foi ao tremor de terra de magnitude 5 ocorrido em Brasília nesta sexta-feira que, segundo o presidente, foi “mais um golpe baixo” contra seu governo.

“É uma coisa inacreditável. Tem político que acha que pode tudo”, disse Lula. “Eu não sei como eles conseguiram essa última, estou realmente abismado. Isso é muito desespero da oposição!”, comentou.

O presidente alfinetou ainda a imprensa por ser parcial e por inventar fatos sobre as causas reais do terremoto.

“Meu filho, a nossa Petrobrás está perfurando esse país a décadas e nunca aconteceu nada”, comentou Lula. “Aí acontece um negócio desse e os jornais vêm me dizer que foi a Tectônica. Eu nunca ouvi falar dessa empreiteira”, disse.

Ao final do discurso, Lula garantiu que é a favor de investigar a autoria do terremoto em Brasília e aproveitou para elogiar Dilma Rousseff.

“Nunca na história deste país tivemos um terremoto desse jeito aqui em Brasília. A Dilma é uma menina que se for eleita é capaz de evitar qualquer desastre natural. Até furacão ela segura”, afirmou.