Lula assina MP e Horário de Inverno começa neste domingo

Com o Horário de Inverno, o brasileiro poderá acordar mais tarde e trabalhar menos

O presidente Lula acaba de assinar a Medida Provisória que estabelece a criação do horário de inverno, promessa feita na campanha de sua reeleição em 2006. O principal objetivo da mudança é garantir ao cidadão brasileiro uma qualidade de vida maior durante a mais gelada estação do ano. Para isso, o expediente de trabalho será diminuído e os relógios deverão ser atrasados.

O deputado Osvaldo da Silva Santos, responsável pela redação da lei, disse ter tido uma conversa especial com Lula antes de começar a trabalhar com o horário de inverno. “O presidente, com todo aquele jeito simples dele, me disse que esse era um projeto especial. Daqueles para fechar um governo com chave de ouro”, confidenciou o parlamentar. “Ele sempre quis que o brasileiro vivesse melhor quando está frio, bem frio”.

Para isso, todos os relógios deverão ser atrasados em 2 horas a partir da meia-noite do próximo sábado. Assim, espera-se dar maior conforto para o trabalhador acordar pela manhã. “Quem nunca teve aquela famosa preguiça em um dia frio? Além da sensação de acordar mais tarde proporcionada pela mudança de horário, também vamos diminuir o expediente de trabalho de 8 para apenas 5 horas”.

“Eu pedi para o deputado um jeito de acordar mais tarde, com dia já claro, trabalhar algumas horas a menos e ter tempo de tomar um longo banho quente. Isso é um dia frio e perfeito para mim. Fiquei satisfeito, ele cumpriu a missão”, disse o satisfeito presidente. “Além do povo viver melhor, a economia vai ser estimulada. Imagina esse povo todo comprando edredon, gastando energia vendo TV e comprando mais DVD”.

O horário de inverno começa no próximo domingo e termina no final de setembro.