Figurinhas da Copa: Vaza lista de quem completou mandando carta

Uma relação com aproximadamente 5 mil nomes circula neste momento pela Internet. Trata-se  de uma lista de pessoas que compraram as figurinhas diretamente da editora Panini.

O ato, considerado indecente por colecionadores, seria o último recurso utilizado pelos brasileiros para completar o álbum da Copa.

O vazamento dessas informações provocou manifestações intensas nas redes sociais, a maioria delas em tom de revolta e vergonha. Grande parte dos usuários cobra uma posição da editora, que até agora não se pronunciou.

O Diário de Barrelas teve acesso ao conteúdo da lista e encontrou dados curiosos.

A média de figurinhas por pedido supera 300 unidades, o que demonstra uma tendência de os colecionadores não terem paciência de comprar os pacotinhos em bancas de jornal e depois trocarem as repetidas com amigos.

Um colecionador entrou em contato com a redação, pediu para não ser identificado e revelou os motivos que o fizeram recorrer à cartinha para a editora.

“Apesar de gostar de computação, também assisto futebol. Porém, não tenho muitos amigos, e isso dificulta a troca de figurinhas. Deixei um dinheirão na banca, mas só vinha jogador da Croácia”, explicou o rapaz. “Então, acabei optando por comprar 127 figurinhas direto da editora”.

Por outro lado, muitos se aproveitam da facilidade de encomendar as figurinhas para se gabar de ter completado o álbum antes de todo mundo. O usuário Edison Galvão publicou no Facebook que está “…revoltado pq a lista vazou! Agora todo mundo sabe que eu não completei o album! #queodio #nãovaitercopa”.

Enquanto a editora não se posiciona sobre o vazamento das informações, colecionadores prometem processá-la pela divulgação de dados confidenciais.