Felipe Melo recusa convocação e diz não a Mano Menezes

Jogador preferiu ficar de fora da seleção e recusou convocação de Mano

Após a negativa de Muricy Ramalho para ser o novo treinador da seleção, Felipe Melo recusou a convocação de Mano Menezes para vestir a amarelinha em amistoso nos Estados Unidos. O volante, considerado como um dos principais culpados pela derrota brasileira na Copa do Mundo, disse não ter mais vontade de jogar na seleção.

“Jogar na seleção é complicado. Estou acostumado com a Itália. Aqui o juiz não fica dando cartãozinho em qualquer lance. Já pisei em um monte de gente, nunca havia sido expulso até jogar na seleção”, disse o volante.

Mesmo com a tarefa de renovar a seleção, Mano confiava no trabalho de Felipe Melo. “O presidente Ricardo Teixeira me disse que precisamos renovar, mas renovar com cautela. O time da Copa não foi de todo mal. E o Felipe era um cara importante para a espinha dorsal do time. Pena que a seleção não faça mais parte dos planos dele”, lamentou Mano.

“E, além de ter sido crucificado e tudo mais, fiquei pensando… Já pensou ter aquele Neymar no time adversário no coletivo. Fiquei com medo de machucar o menino sem querer, ele é tão magrinho…”, justificou Felipe Melo.