Descoberto 13º Signo do Zodíaco; mudanças a caminho

Cientistas franceses balançam o mundo astrológico com nova decoberta

Estudos de Astronomia e Astrologia desenvolvidos pela Université de Toulouse divulgados ontem na França apontam o descobrimento de uma nova constelação.

Batizado em homenagem a Antínoo, o sábio, o conjunto de estrelas foi deixado de fora dentre os elementos que formam o Zodíaco original.

A descoberta francesa ameaça a credibilidade dos atuais estudos zodíacos.

Como Antínoo se localiza entre as constelações de escorpião e libra, os atuais signos e seus ascendentes precisam de reformulação. Com isso, todos os mapas astrais gerados na antiga disposição precisam ser refeitos.

Em artigo publicado, a revista inglesa ‘Proceedings of the National Academy of Astrology Science Magazine’ mostra preocupação com a descoberta. “Esse novo cenário promete estabelecer grande inferno astral a todos. Será necessária muita sensibilidade e harmonia para se adequar a esse novo e confuso período”, dá início ao editorial.

Muitos librianos indecisos se dizem confusos ao adentrarem o grupo dos virginianos perfeccionistas e detalhistas. Esses, dado todo o remanejamento astrológico acarretado pela mudança do cenário zodiacal, tiveram um grupo deslocado para o signo de leão que têm reclamado frequentemente dos ideais egocêntricos e da hiperatividade do novo grupo.

Por outro lado, os escorpianos montaram um sindicato pleiteando a fixação da abrangência de seu signo, recusando-se a fazer parte do grupo “inquieto, expansivo e imaturo dos sagitarianos”.

Já os capricornianos preferiram não se manifestar enquanto não forem oficialmente informados das mudanças.

Videntes, sensitivos e outras categorias de trabalhadores holísticos entraram com pedidos em suas entidades de classe solicitando que a constelação Antínoo seja excluída do Zodíaco por convenção necessária à sustentação da ordem astral.

Dados de mercado apontam uma previsão de queda no lucro de 36% para os astrólogos, com redução de 42% na produção de mapas astrais. A mudança, porém, traz bons ventos para pais de santo, que têm estimativa de, no último quadrimestre desse ano, jogarem seus búzios 27% de vezes a mais que o mesmo período de 2009.

Embora a descoberta tenha causado grande impacto em todo mundo esotérico, autoridades chinesas dizem estar contentes com os avanços da pesquisa e pretendem, em âmbito mundial, lançar mapas astrais fundamentados no horóscopo chinês, mais baratos, com melhor distribuição, mas sem garantias.