Crise na Irlanda faz preço do pint de Guinness triplicar

A Irlanda está usando seu produto mais famoso para tentar sair da crise.

Afundada em uma imensa crise há cerca de 2 meses, finalmente o momento econômico pelo qual passa a Irlanda parece afetar o dia a dia dos brasileiros. Uma das ações do governo para estancar o rombo nas divisas do país foi aumentar o preço de um de seus produtos mais exportados: a cerveja Guinness.

“Foi a alternativa mais rápida que encontramos para revitalizar a economia do país”, afirmou o Ministro do Comércio Exterior Irlandês Brian Cowen. “Também pensamos em promover mais nossos grandes escritores, como James Joyce e Oscar Wilde, mas concluímos que ninguém quer saber de literatura, as pessoas preferem tomar cerveja e ficar bêbadas”.

“A Guinness é o produto mais importante que a Irlanda tem a oferecer ao mundo. Outro ícone de nosso país, o U2, também foi convocado nessa difícil missão para alavancar nossa economia. No entanto, Bono gentilmente recusou, afirmando que já está comprometido com alguns países africanos, e que só teria agenda para nos ajudar a partir de 2013.”

Quem não gostou nada da medida do governo irlandês foram os brasileiros apreciadores da famosa cerveja preta. Pubs paulistanos famosos, como O’Malleys e All Black, aumentaram em até 230% o preço do copo da bebida, o famoso Pint.

“Acho um absurdo um problema lá longe, na europa, aumentar o preço da minha bebida favorita”, bradou João Neves, publicitário que trabalha em uma agência no zona oeste da capital. “Pelo menos que eles se recuperem logo, pois daqui a 3 meses temos St Patrick’s Day e eu não vou querer fica bebendo Sol e Nova Schin pra comemorar a data.”[caption id=”attachment_4773″ align=”alignright” width=”300″ caption=”A Irlanda está usando seu produto mais famoso para tentar sair da crise.”