Agência África anuncia realização do primeiro Festival de Música da história

Um esboço de como seria o Festival, na concepção original da Agência.

A agência de publicidade África anunciou na tarde de hoje a realização do primeiro festival de música que a humanidade já viu.

A iniciativa surge justamente no momento em que a agência é acusada de plagiar um artista inglês em uma de suas peças publicitárias.

Segundo os idealizadores a ideia de se fazer um festival surgiu por acaso.

“Quando o pessoal da agência jogava uma partidinha de sinuca, um dos nossos colegas começou a cantarolar uma música. Em seguida, outra garota também cantou. Aí eu pensei, e se juntarmos um monte de gente cantando junto?”, contou o Acácio Xis, diretor de criação da África. “Minha ideia foi genial”, analisou.

De acordo com a agência, o conceito de Festival de Música consiste na reunião de vários grupos musicais, apelidados de “bandas” pelos criadores do evento.

As chamadas “bandas” fariam apresentações em sequência, para um público seleto e bem apessoado.

“É a primeira vez que isso é feito no Brasil, mas não temos registro também de algo parecido no mundo”, contou Emerson Ocara, diretor de novas tendências da agência África.

O Festival inédito foi batizado de ATU, sigla em inglês para “After Than You”, e deve ser realizado em meados de outubro, talvez novembro.